Mamã – Hélène Delforge & Quentin Greban

 

Uma das primeiras palavras do mundo. Um nome único, que designa milhares de mulheres. Uma palavra que quer dizer amor, ternura, laço e, por vezes, ausência. Há tantas mamãs quantos filhos. E, no entanto, em qualquer parte do mundo, todas as mamãs parecem as mesmas quando seguram os bebés nos braços. As ilustrações incrivelmente poéticas e expressivas do artista belga Quentin Greban tocam a alma; textos curtos e amplos de Hélène Delforge contam 30 histórias diferentes de amor materno.

Este livro é uma espécie de diário pessoal tecido a partir de histórias de mulheres de diferentes épocas, nacionalidades, profissões, crenças de vida, mas todas elas têm uma coisa um comum – são mães que amam os seus filhos. Momentos arrebatadores, reflexões, esperanças, medos, sorrisos sem fim, beijos e abraços. A vida das mulheres. Os destinos das mães e filhos são tecidos por um forte fio que se une. Tão fino e subtil, tão profundo e ternurento.

As histórias contadas neste livro penetram no próprio coração desde as páginas, passando pelas pontas dos dedos e transformando-se em emoções puras. É um livro para estimular memórias, chorar com lágrimas da felicidade, sentir saudade e sentir a alegria de ser mãe.

19,50

Informação adicional

Autora

Hélène Delforge

Ilustrador

Quentin Greban

Ano de Edição

2021

Encadernação

Capa Dura

Idioma

Páginas

64

ISBN

Idade Recomendada

10+

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Apenas clientes com sessão iniciada que compraram este produto podem deixar opinião.